Apenas 4 em cada 10 assassinatos são solucionados no Brasil